PE html> 7 dicas para se tornar um médico empreendedor | SimDoctor

Quer se tornar um médico empreendedor? Confira 7 dicas!

Quer se tornar um médico empreendedor? Confira 7 dicas!

Quando se fala na rotina profissional da Medicina, logo se pensa no trabalho voltado para prevenção ou tratamento em saúde. Apesar de o foco ser o atendimento ao paciente, é essencial ter em mente a figura do médico empreendedor para ter sucesso no mercado.

Em primeiro lugar, apesar de a faculdade não trazer noções de administração ou finanças, é preciso considerar sua clínica ou consultório como uma empresa. Desse modo, você busca meios para se destacar da concorrência, além de atrair e fidelizar seus pacientes.

Está interessado em se tornar um médico empreendedor? Acompanhe as 7 dicas que reunimos neste post e descubra como fazer seu negócio crescer!

1. Compreenda as necessidades do seu público

A primeira dica é conhecer em que mercado você está atuando para descobrir quem é o seu público-alvo e o que eles esperam. Os pacientes, atualmente, têm muitas informações por conta do acesso à Internet, então é importante descobrir o que eles buscam e acompanhar as tendências da sua área.

Sendo assim, faça uma análise do mercado para saber o que você precisa oferecer em sua clínica. Nesse ponto, é possível estudar a atuação dos concorrentes ou fazer pesquisas de satisfação com seus pacientes, por e-mail ou aplicativo de mensagens.

A partir dessas informações, você descobre, por exemplo, se é preciso aprimorar algum processo, como passar a ter o agendamento online de consulta. Pode entender ainda a necessidade de adquirir um equipamento mais específico para oferecer mais tratamentos.

Por fim, o conhecimento do mercado pode revelar que está na hora de realizar algum investimento no seu negócio, como ampliação do local para deixar a sala de espera mais confortável.

2. Tenha processos bem definidos

Além de conhecer o mercado, para ser um médico empreendedor você deve padronizar as atividades da sua clínica ou consultório. Para isso, tenha processos bem definidos para que todos da equipe entendam seu papel na empresa, visando sempre oferecer um atendimento de qualidade.

Dessa maneira, você agiliza as tarefas e organiza o fluxo de trabalho, já que seus colaboradores passam a atuar de maneira integrada, reduzindo erros em processos ou outros problemas na rotina.

3. Faça cursos e treinamentos

Sabemos que os conhecimentos em empreendedorismo e gestão não fazem parte da grade curricular da faculdade de Medicina. Por isso, é necessário buscar cursos e treinamentos voltados para essa área.

Apesar da correria da sua rotina, atualmente, há uma gama de cursos focados em noções administrativas e de gestão financeira que podem ser realizados online. Com isso, você consegue se organizar para aprender como agir de maneira estratégica na sua clínica ou consultório.

Poderá ainda lidar melhor com as finanças, realizando planejamentos de curto, médio e longo prazo para realizar investimentos e ter sucesso no mercado.

4. Estabeleça parcerias

Lembra que falamos sobre a necessidade de o médico empreendedor identificar as necessidades do seu público? Muitas vezes, você vai perceber que é necessário agregar algum serviço na sua clínica.

Dessa forma, verifique a possibilidade de realizar parcerias para trabalhar com colegas de outras especialidades ou com profissionais de saúde de outras áreas, como fisioterapia, psicologia, terapia ocupacional, entre outras.

É uma maneira de oferecer algo a mais aos seus pacientes, aumentando as taxas de fidelização no seu negócio.

5. Divulgue o seu negócio

O médico empreendedor também deve ter um olhar voltado para as ações de marketing. Cada vez mais, os pacientes procuram informações sobre serviços médicos na Internet. Por isso, é necessário investir em um site para sua clínica e também ter presença ativa nas redes sociais.

A ideia é produzir conteúdos sobre sua área de atuação para esses canais, a fim de ser encontrado com mais facilidade pelo público. Com isso, você demonstra autoridade em seu segmento e ainda ganha pontos para sua imagem profissional.

As ações de marketing também podem ser utilizadas para fidelizar os atuais pacientes. Basta aproveitar o e-mail marketing para enviar lembretes, felicitações e até informações de saúde.

No entanto, a orientação é sempre consultar as regras do Conselho Federal de Medicina (CFM) sobre publicidade médica para fazer a divulgação de modo correto.

6. Busque ser um profissional inovador

O médico empreendedor precisa acompanhar as tendências da medicina e de seu segmento. Então, além de estar a par de pesquisas científicas da sua especialidade para conhecer novos fármacos e equipamentos, é recomendado inovar em seu consultório.

Como? Uma das medidas pode ser justamente implementar a teleconsulta. Essa é uma forma de atender com qualidade, porém remotamente, podendo levar seus serviços para pacientes de diferentes localidades.

A telemedicina ganhou força por conta da exigência do distanciamento social pela pandemia da Covid-19 e, devido a seus benefícios, é um modelo de trabalho que veio para ficar.

7. Conte com a tecnologia para gerir sua clínica ou consultório

Falando em inovação, para empreender com segurança é necessário agilizar os processos de gestão da sua clínica ou consultório. Existem ferramentas específicas para essa área, que são multifuncionais, otimizando a administração do seu negócio e a jornada do paciente.

É assim que funciona o software de gestão médica da SimDoctor, em que você pode organizar sua gestão, fazer um controle das finanças e ainda contar com:

  • agendamento online de consultas;
  • lembrete automático das consultas;
  • emissão online da nota fiscal de serviço para o paciente;
  • pagamento online dos atendimentos.

Além disso, o nosso sistema permite que você tenha o prontuário eletrônico do paciente e faça a emissão e envio da prescrição médica digital. E você pode ficar sossegado, pois as informações ficam armazenadas de forma segura, podendo ser acessadas somente por profissionais autorizados.

É uma tecnologia para facilitar as tarefas de gestão, melhorar a experiência do seu paciente e diferenciar o seu negócio da concorrência.

Neste post você viu como se tornar um médico empreendedor. Conhecer o mercado, investir no marketing e ainda adotar as melhores tecnologias para a sua clínica vão contribuir para que o seu negócio se destaque!

Busca mais dicas de gestão para sua clínica ou consultório? Acompanhe todos os nossos conteúdos: é só seguir as nossas páginas nas redes sociais. Estamos no Facebook, Instagram, LinkedIn, Twitter e YouTube!

Comments are closed.